quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Terror no Parque Califórnia

Do site Ururau:


Bandidos fazem sete pessoas reféns no Parque Califórnia, em Campos

Ladrões levaram carro, máquina de lavar, TVs, computadores e dinheiro
Daniela Abreu
Sete pessoas foram feitas reféns por mais de uma hora dentro de uma clínica de pilates na manhã desta quarta-feira (30/10), na Rua José Tavares Figueiredo, no Parque Califórnia, em Campos. 






Segundo a proprietária do estabelecimento, ela foi rendida pelos bandidos quando foi abrir o portão para uma aluna. Eles teriam chegado em um Fiat Uno prata. Um deles usava capacete de obra e óculos para esconder o rosto. De acordo com um aluno, os assaltantes teriam invadido o local usando uma pistola e um revólver calibre 22. Conforme iam chegando os alunos eram colocados dentro do banheiro e ameçados de morte.
Outro aluno contou a equipe do Site Ururau que os bandidos procuravam por um cofre e dinheiro. "Eles disseram várias vezes: Você tem dinheiro, seu pai é político. Onde estão as joias e o cofre? Eu então, desliguei meu celular com medo que ele tocasse. Depois eles vieram pegaram o aparelho pra saber se eu tinha ligado para a polícia”, revelou uma das vítimas que também disse que chegou a pedir apenas o chip aos ladrões. 
" Eles levaram nossas agendas e documentos e por isso ameaçavam dizendo que sabiam que eram nossos familiares e por isso não era para chamar a polícia", finalizou a vítima.
Uma outra aluna relatou que estranhou porque quando tocou o interfone, logo o portão foi aberto, já que a proprietária  sempre procura fazer a identificação antes de abrir. Já dentro da casa, ela viu a máquina de lavar na varanda e o carro aberto e acreditando que alguém estava fazendo manutenção no aparelho, também estranhou. Nesse momento foi rendida e também levada para o banheiro após os assaltantes terem levado seu celular.
Os assaltantes fugiram no carro da dona da clínica, um Celta preto, levando uma máquina de lavar, duas televisões, computadores e dinheiro.
De acordo com os policiais, os ladrões teriam ido ao estabelecimento em busca de dinheiro que estaria no interior de um cofre escondido em um fundo falso no chão. Na tentativa de encontrar o dinheiro, os bandidos usaram uma marreta para arrebentar o piso nos fundos da casa. Vizinhos também contaram que ouviram barulhos de marreta quebrando e minutos depois pessoas chorando.
Policiais fizeram buscas pela cidade para localizar os criminosos. Os peritos da polícia civil que estiveram no local confirmaram o uso de uma marreta para quebrar o chão na área de serviço nos fundos da casa. Além da ferramenta foram recolhidas duas blusas que seriam da proprietária e bandidos teriam usado para encobrir o rosto. A clínica, segundo a proprietária, funciona no local há dois anos no imóvel alugado. A ocorrência foi registrada na 134º Delegacia Legal, Centro. 

Nenhum comentário: