Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2014

Vai que alguém queira saber!...

Imagem
Do: http://blog.estantevirtual.com.br/ A origem do Carnaval "Ao contrário do que muitos imaginam, a origem dessa  festa popular  é européia. Foram os portugueses que, em 1641, início da colonização brasileira, trouxeram a festividade para o nosso país. O  Entrudo português,  precursor do Carnaval tal qual o conhecemos, possuía diferenças significativas com a folia de hoje. Por vezes, violento, ele se caracterizava por brincadeiras de rua em que os foliões arremessavam água, ovos e farinha nos transeuntes. Com pouco mais de requinte, os  bailes de máscara  da Itália Renascentista também influenciaram o Carnaval brasileiro, sobretudo, nas classes mais nobres do país. Mas não tardou para que os brasileiros dessem o seu “jeitinho” e uma pitada de originalidade à comemoração. Nossos foliões acrescentaram elementos africanos ao Entrudo e as mascaradas italianas, fazendo com que o Carnaval brasileiro ganhasse o batuque dos tamborins e o colorido das serpentinas."

Saindo do forno

Imagem
Lançamento de livro comemora 30 anos do Sambódromo do Rio O presidente da Fundação de Arte de Niterói, André Diniz ,  com Diogo Cunha, vai lançar logo após o carnaval  o livro “ Na passarela do Samba” ,  que fala sobre os 30 anos do sambódromo,  suas polêmicas e curiosidades.  Embora ainda não tenha data marcada,  o lançamento promete não deixar a folia passar em branco.

Do Face pro blog

Imagem

Um cronista veio nos visitar

"A arte de ser infeliz" Paulo Mendes Campos O homem perfeitamente infeliz tem saúde de ferro; check-up e estação de águas todos os anos; seus males físicos são apenas dois: dor de cabeça (não toma comprimido porque ataca o coração) e azia (não toma bicarbonato porque vicia o organismo). O pai e o avô do homem infeliz morreram quase aos noventa anos -- e ele o diz freqüentemente. Banho frio por princípio, mesmo no inverno, e meia hora de ginástica diária. O homem perfeitamente infeliz julga-se ameaçado: ao norte, pela queda de cabelo; ao sul, pela desvalorização da moeda; a leste, pelo acúmulo de matéria graxa; a oeste, pela depravação dos costumes. Não empresta dinheiro; não deve nada a ninguém; toma notas minuciosas de todas as suas despesas; nunca pagou nada para os outros; não avaliza nota promissória nem para o próprio filho; tem manifesto orgulho disso tudo. Não tomou conhecimento de qualquer revolução artística ou literária depois de 22: gênio é

Como fazer uma Copa do Mundo no Brasil

Imagem

Solidariedade

Imagem
Do:Ururau Com estoque baixo, Hemocentro  de Campos realiza campanha pré-Carnaval  Carlos Grevi/Mauro de Souza/Arquivo Banco de sangue necessita de doações para suprir as demandas do Carnaval Com o estoque baixo e precisando aumentar o número de doações  nesta semana que antecede o Carnaval, a equipe do Hemocentro Regional de Campos está colocando a sua Unidade de Coleta Móvel  na rua e solicitando a colaboração de toda a população. A ação é uma parceria com a Fundação CR3  – Programa Petrobras Jovem Aprendiz e  conta com o apoio da Casa de Leis.   Na quinta (27/02), a Unidade de Coleta Móvel  vai estar na sede da Fundação CR3,  no Bairro Novo Cavaleiros, em Macaé, das 8 às 15h.   A assistente social do Hemocentro, Maria Gonçalves,  diz que a unidade precisa equilibrar seu estoque para atender a demanda do Carnaval. “O número de doações não tem sido satisfatório.  Se continuarmos nesse ritmo, chegaremos ao Carnaval em condi

'Humor não serve mais para nada', diz Jaguar, em sua 'última entrevista'

Imagem
ARNALDO BLOCH DO:"O Globo" RIO - O título acima pode dar a entender que Jaguar, o cartunista mais escrachado do país, está amargurado. Afinal, aos 82 anos, teve que parar de beber, um duro golpe. Mas, em quatro horas de conversa, ele emenda uma piada na outra sem perder o fôlego, ri como criança, chama a fotógrafa Ana Branco de ditadora e, quando ela deixa o local para fotografar um bueiro que explodiu, sugere que gazeteie a pauta: “Bueiro estourado e Jaguar, dá no mesmo”. Sem medo de patrulha, o fundador do “Pasquim”, hoje chargista do “Dia”, dispara contra todo mundo. E desenha, bebe cerveja sem álcool, canta e, apesar da amnésia abstêmia que às vezes interrompe sua fala, passa a limpo, ou a sujo, uma vida que daria livro, filme ou ópera. De vanguarda... No próximo dia 29 você faz 82 anos. Acontece que fevereiro de 2014 só tem 28 dias. Como é que fica? Só faço aniversário de quatro em quatro anos. Na prática, tenho 20 anos e meio. Mas ando alquebrado. Es

Crônica de uma morte anunciada

Imagem
                                                                                                      Foto:João Pimentel              (adaptação à crônica que fiz,quando da “morte” do MONITOR CAMPISTA)                                                                                                                Walnize Carvalho                                                                                                               Não há como não deixar de parafrasear o escritor e jornalista colombiano -Gabriel Garcia Márquez – e utilizar como título de minha crônica  a  obra  consagrada deste brilhante autor. Nem há, como também, ficar indiferente e usar o velho chavão : “ A única certeza desta vida é a morte”.E eis que o “paciente” sabia  que iriam adoecê-lo e ,quem sabe, até levá-lo a fenecer .Apesar da idade avançada  gozava  de uma saúde de ferro de causar inveja aos mais novos. Viril,simples, popular, sempre foi figura querida e estimada pela cidade. Tinha

Coringa X Garotinho

Imagem
Do blog Radar On-line Coringa socialista Garotinho: acusado por Coringa Cleyton Coringa, o manifestante que delatou na semana passada a lista de vereadores do PSOL que contribuíram com um evento do Ocupa Câmara, é filiado ao PSB de Duque de Caxias desde 2011. Na ocasião, o partido era presidido por Alexandre Cardoso, hoje rompido com o PSB e prestes a entrar no PMDB. Coringa atira para todos os lados em seus vídeos no YouTube: afirma que Anthony Garotinho pagou ‘manifestantes profissionais’ para acampar em frente à casa de Sérgio Cabral. Por Lauro Jardim

Após 18 dias no cargo, Ministro da Saúde pede demissão - Ou não....

Imagem
Após enfrentar uma série de denúncias de irregularidades no Programa Mais Médicos, Arthur Chioro, não aguentou a pressão e pediu demissão do cargo. O decreto assinado pela presidente Dilma Rousseff foi publicado na edição desta sexta-feira do Diário Oficial.  Mozart Sales, secretário de Educação e Gestão da Saúde, e  nome preferido do ex-ministro Alexandre Padilha, assume interinamente o cargo. Atualização às 13:29 para esclarecer a realidade dos fatos e alterar o título da postagem: "O ministro da Saúde, Arthur Chioro, tentou explicar nesta sexta-feira que antes mesmo de assumir a pasta, no início de fevereiro, já tinha combinado com a presidente Dilma Rousseff seu desligamento para tomar posse como professor da Universidade Federal do Estado de São Paulo (UNIFESP). O Diário Oficial da União trouxe a publicação hoje da demissão de Chioro, porém, sem explicar o motivo da ‘demissão’. A assessoria de imprensa admitiu a responsabilidade por não ter comunicado c

E vai ter corrida no Farol!

Imagem
Mais uma do blog "Ponto de Vista" Prefeitura recua e confirma corrida no Farol Por Christiano, em 20-02-2014 - 18h54 Após ter barrado o evento esportivo, a Guarda Municipal voltou atrás e agora destinou um local para a Corrida Verão da Família, na orla do Farol de São Tomé. A Prefeitura de Campos noticiou  aqui , em seu site, a interdição de trecho da Avenida Atlântica informados pela Guarda Civil Municipal e o Instituto Municipal de Trânsito e Transportes (IMTT), órgãos do governo municipal, confirmando a corrida. Contudo, a matéria ignora completamente a informação que a corrida chegou a ser barrada. Tampouco o Major Francisco Mello, Comandante Geral Interino da Guarda Municipal e Secretário de Paz e Defesa Social, que falou: “Temos muitas atividades sendo desenvolvidas no final de semana e, por uma questão logística, sugerimos três locais para a realização do evento e a fundação reconsiderou a sua avaliação inicial e optou pelo percurso do Lagamar à Colônia

Blog Ponto de Vista: “Bebedeira e cachaçada com trio”, pão e circo pode. Esporte, corrida e saúde não

Imagem
Foto: Check / Prefeitura Municipal de Campos O chefe da Guarda Municipal, Francisco José Pereira Melo, em absurda decisão, barrou a Corrida Verão da Família, que seria realizada neste domingo, alegando que o horário teria conflito com um trio elétrico. A corrida teria 5 km e seria realizada de 08h00 às 09h00, com todas as suas 300 vagas já preenchidas. Indignado, com toda razão, o vereador Neném, da base do governo, soltou o verbo ontem na Câmara de Vereadores: “Sinceramente, não vi sentido algum nessa explicação. Trata-se de uma corrida de apenas 5 Km  ocorreria das 8h às 9h e todas as 300 vagas já haviam sido preenchidas.” “Como é que pode barrar? Quer dizer que pode ter bebedeira e cachaçada com trio e não pode ter corrida de rua?”. A imagem que a Guarda Municipal passa do governo Rosinha é que toda a atenção do verão no Farol é para os trios elétricos, com suas músicas de baixa qualidade, cachês milionários e efeitos colaterais como a bebedei

Morre Nélcio Mesquita, presidente do Motoclube de Campos

Imagem
Do site Ururau: O presidente do Motoclube de Campos morreu na manhã desta quinta-feira (20/02) no Hospital Ferreira Machado (HFM) depois de uma colisão no cruzamento das Ruas Joaquim Suma com Álvaro Grain, na Pecuária. De acordo a assessoria do HFM, Nélcio Mesquita, 67 anos, sofreu vários ferimentos pelo corpo e teve uma parada cardiorrespiratória. Ele não resistiu e morreu às 11h30.  Segundo o Corpo de Bombeiros Militar, as duas vítimas estavam em motocicletas. O segundo ferido identificado como M.A.R.G., 41 anos, também foi levado para o Ferreira Machado.

Biblioteca virtual

Imagem
Na Folha da Manhã Biblioteca virtual A Câmara de Vereadores de Campos disponibiliza em seu site oficial uma biblioteca virtual que, até o momento, possui 79 livros digitalizados de 22 escritores campistas. O projeto é um claro fomento à pesquisa e não só isso: é uma ação de cunho histórico-patrimonial. Para ampliar o número de títulos disponíveis ao público, as famílias de escritores já falecidos são contatadas para a liberação dos direitos autorais e o saldo tem sido bastante positivo: obras de Jorge Renato Pereira Pinto, Waldyr Pinto de Carvalho, Walter Siqueira e José dos Santos Silva Neto em breve serão digitalizadas e colocadas à disposição de estudantes, pesquisadores e demais interessados nas leituras sobre Campos. De acordo com o presidente da Câmara, vereador Edson Batista, estão sendo consultadas as famílias de escritores que morreram há menos de 70 anos (as obras de escritores mortos há mais de sete décadas são de domínio público) para a liberação dos direitos autor

Facebook compra WhatsApp por US$ 19 bilhões

Imagem
Do Jornal "O Globo": MENLO PARK e RIO — O Facebook anunciou na noite desta quarta-feira a aquisição do WhatsApp por US$ 19 bilhões, sendo US$ 4 bilhões em dinheiro e US$ 12 bilhões em ações da rede social. Além disso, o WhatsApp — definido no comunicado do Facebook como “companhia de mensagens móveis em várias plataformas com rápido crescimento” — terá direito a mais US$ 3 bilhões em “ações restritas” a serem distribuídas aos fundadores do aplicativo e seus funcionários ao longo de quatro anos a partir do fechamento do negócio. É a maior aquisição do mercado de tecnologia desde 2001, quando a AOL comprou a Time Warner por US$ 124 bilhões, segundo dados compilados pela Bloomberg. — O WhatsApp está a caminho de conectar 1 bilhão de pessoas — disse Mark Zuckerberg ao anunciar a compra. — Todo serviço que atinge uma marca como essa tem um valor incrível. Conheço Jan Koum, fundador e diretor executivo do WhatsApp há muito tempo e estou muito animado por

Então...

O amor acaba                                                         Por Paulo Mendes Campos "O amor acaba. Numa esquina, por exemplo, num domingo de lua nova, depois de teatro e silêncio; acaba em cafés engordurados,  diferentes dos parques de ouro onde começou a pulsar;  de repente, ao meio do cigarro que ele atira de raiva  contra um automóvel ou que ela esmaga no cinzeiro repleto,  polvilhando de cinzas o escarlate das unhas;  na acidez da aurora tropical, depois duma noite  votada à alegria póstuma, que não veio;  e acaba o amor no desenlace das mãos no cinema,  como tentáculos saciados, e elas se movimentam  no escuro como dois polvos de solidão;  como se as mãos soubessem antes  que o amor tinha acabado; na insônia dos  braços luminosos do relógio; e acaba o amor  nas sorveterias diante do colorido iceberg,  entre frisos de alumínio e espelhos monótonos;  e no olhar do cavaleiro errante que passou pela pensão;  às vezes