quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Governo decide que vinagre de álcool não pode mais ter aparência de vinho tinto

                                                         Getty Images

Ministério da Agricultura fixou limites máximos de adição de caramelo e agora o líder de vendas do setor, o vinagre de álcool escuro, vai desaparecer em definitivo das gôndolas

Yan Boechat
iG São Paulo

O governo federal resolveu intervir no mercado de vinagres brasileiro e proibiu a adição indiscriminada de caramelo para que o produto não passe mais a impressão de ter como matéria-prima o vinho tinto. Com isso, o vinagre de álcool escuro, que responde hoje por 55% de um mercado de R$ 240 milhões anuais, desaparecerá de forma definitiva das gôndolas dos supermercados já a partir do mês que vem. De acordo com uma instrução normativa do Ministério da Agricultura que entra em vigor no próximo sábado, a partir da semana que vem os fabricantes não poderão mais colocar esse tipo de produto no mercado.

Nenhum comentário: