sábado, 20 de outubro de 2012

Comentários que dão crônica

Peço licença aos meus queridos amigos e editores do"Sociedade"(Neto Cordeiro e Gustavo Rangel) para trazer como postagem os expressivos comentários ao meu texto:"Quem matou?".
Atuaram como "resposta" aos meus questionamentos (ainda que "meus anos de janela" de, certa forma, me respondessem).
Pertencendo à gerações diferentes (eu e vocês) temos em comum a lembrança de momentos felizes. Mas, foi pura sabedoria o que deixou patenteado o grande Mário Lago:"Eu não posso sentar na calçada e ver a banda passar;eu tenho que fazer parte dela".Sendo assim...vida que segue!
Obrigada amigos!
 
Aqui estão os belíssimos textos:
 
(...)Os novos tempos, a globalização, a internet, a pressa são alguns dos vilões desta estória. Lembro-me bem que ainda moleque ficamos um tempo sem tv em casa. Isso tem uns 25 anos. Não havia internet, video game era para poucos, enfim, outros tempos... Pois saiba que foi uma das melhores épocas da minha adolescência. Nossos campeonatos de botão não tinham a concorrência dos desenhos e novelas. Nada de desgraças dos telejornais... A família ficava mais unida. E acaba tendo mais briga entre os 4 irmãos...rsrs Mas valeu a pena.
Hoje é tudo muito chato e politicamente correto. Ninguém tem tempo para as pessoas (Neto Cordeiro)
 
Me lembrei de quando criança, marcávamos hora para alguém ligar para casa do outro. Hoje tem celular cada acha o outro onde quer. Nossa TV era de válvula e esquentava pra caramba. Portanto, tínhamos um limite de horas para assistir, depois tínhamos que desligar esperar esfriar e só ligar umas 3, 4 horas depois...e por aí ia...
Hoje a TV fica ligada o dia inteiro e não esquenta nem um tiquinho.
Os carros de papai sempre quebravam o furavam pneu nas viagens para Rio das Ostras. Eu era o trocador oficial de pneus da família rsrsrs...
Hoje os carros vão de norte a sul desse país e não quebram nem furam pneus...enfim, as coisas eram mais pulsantes ou com mais adrenalina!
Hoje é tudo muito seco, normal demais...bons tempos!(Gustavo Rangel)

Um comentário:

Neto Cordeiro disse...

E como também dizia Mário Lago:"O tempo não comprou passagem de volta."
Bom fim de semana a todos.