quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Flautista Altamiro Carrilho morre no Rio aos 87 anos

Da:Folha de São Paulo
Considerado um dos maiores instrumentistas da música popular brasileira, o flautista Altamiro Carrilho morreu na manhã desta quarta-feira (15), no Rio, aos 87 anos, vítima de um câncer.
Discípulo de Benedito Lacerda, Altamiro Carrilho foi o maior flautista do Brasil.
O músico havia sido internado no mês passado num hospital em Copacabana, na zona sul do Rio, por complicações pulmonares. Ele chegou a passar três dias no CTI, e uma biopsia confirmou que Carrilho tinha neoplasia pulmonar (em que um tecido cresce de modo rápido e desordenado).
Carrilho tornou-se uma lenda do choro com uma extensa obra de cerca de 200 composições registradas em mais de cem discos, além de ter disseminado o gênero em vários países.

 O músico será enterrado amanhã (16) em Santo Antônio de Pádua, município do interior do Rio de Janeiro, onde nasceu.

Nenhum comentário: