terça-feira, 20 de agosto de 2013

Romário também quer ser prefeito


Semana passada, postamos aqui no Sociedade uma entrevista do deputado Romário na qual ele afirma que gostaria de ser candidato a senador no ano que vem. Mas o Baixinho anda insaciável. E parece ter mudado de opinião. Quer ser prefeito do Rio em 2016.
Veja a entrevista que ele concedeu ao blog Saideira e à turma da coluna "Gente Boa", do jornal "O Globo":


Solteiro e recém-operado de um calo ósseo ("Deixei a muleta no carro, né?"), Romário voltou à noite carioca em grande estilo. Esteve anteontem no Hotel Fasano, na festa do site Glamurama, e entre taças de Bellini (espumante com suco de pêssego), conversou com a Coluna Gente Boa - antes de emendar em uma saideira na Pizzaria Guanabara.

Você vai se candidatar a prefeito do Rio?
Quero a prefeitura em 2016. Ano que vem é eleição no governo do estado, mas eu não penso nisso. Nem no Senado. Vou me filiar ao partido que me der condições de ser prefeito.
E por que se candidatar a prefeito?
Quando eu me candidatei a deputado federal todos tinham dúvida, inclusive eu, de como me sairia. E tenho consciência que estou me saindo muito bem. Prefeito não vai ser diferente. Vai ser melhor. Vou ser melhor, um excelente prefeito. Se as pessoas tiverem vontade de trabalhar e não roubarem já estarão fazendo muito bem. Hoje em dia só tem ladrão. E em todos os segmentos da política.

Você gosta de ser político?

Pra c.....! Gosto até mais do que ser jogador de futebol. Eu tô amarradão. Hoje em dia as pessoas me reconhecem mais como político do que como jogador.

Você está casado?
Tô solteiro, tem um ano já. Eu não quero namorar, tô gostando assim. Desde os 22 anos sempre tenho algum tipo de relação, agora vou dar uma descansada.

E como é a noite em Brasília?
É diferente daqui do Rio, lá é sempre festa privê, na casa das pessoas. Mas tem uma galera bonita lá, sabia? Pra conhecer e entender, só morando lá. As pessoas passam três dias, não dá pra entender o que eu tô falando. Tem que morar pra saber.

O que pensa sobre o casamento gay? Qual seria a sua reação se o seu fosse homossexual?
Ele estaria dando o que é dele. Eu não teria reação, ia fazer o quê? Mas os meus filhos não são gays. Romarinho e Raphael não são gays.

Nenhum comentário: