quinta-feira, 21 de junho de 2012

Para terminar...

Do blog de Ancelmo Gois:

Mulher de peito
 
Luiza Erundina, a ex-prefeita de São Paulo, é a musa da vez no Brasil.
Sua coletiva, ontem, no plenário 13 da Câmara, em Brasília, juntou, além de jornalistas, funcionários das comissões, garçons, faxineiras, uma montoeira de gente comum favorável ao gesto da deputada de sair da chapa do petista Haddad por causa de Maluf.

Segue...
Antes da entrevista, Erundina comentou numa roda de amigos que, ao renunciar, pensou em seu guru, Paulo Freyre, e em velhos companheiros da luta pela redemocratização do país, como Tancredo Neves, Ulysses Guimarães e Leonel Brizola.

Disse que pesou também em decisão um telefonema do jurista Fábio Konder Comparato, que atuou na acusação de Collor no impeachment.

Nenhum comentário: