sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Impressões sobre o debate na Globo/InterTV



Acabou o debate. Não resisti e vim aqui deixar minhas impressões. Primeiramente ressalto que nunca escolhi nenhum candidato por conta de programas de tv ou rádio. Não caio nessa. É tudo muito mascarado. E hoje, ao ver o debate, fico feliz por ter confirmado meu voto. Valeu a pena acompanhar, mesmo achando que o nível do debate poderia ter sido mais elevado. Mas como esperar isso com os candidatos que temos?
Na minha opinião, como já acontecera no debate da Record, os melhores foram os candidatos Erik Shunck e José Geraldo. Firmes, combativos e críticos. Não se acorvadaram. Irônicos, sem serem desrespeitosos, deram um banho nos 3 candidatos mais fortes nas pesquisas. Rosinha: burocrática, e em alguns instantes perdendo a cabeça.. Acho que incomodada por ter que ainda usar roupa rosa. Não me lembro se na outra eleição era assim tão acintoso, mas ela deve estar doida para acabar a campanha e usar um pretinho básico. Até porque poderiam ter providenciando uma roupinha menos apertada. Arnaldo é um desastre em debates, e o fato se confirmou nesta noite. Alguém poderia dar um relógio de presente para o ex-prefeito. Pelo menos deu uma dentro quando lembrou que o ex-prefeito Alexandre Mocaiber, criticado pela prefeita Rosinha na resposta anterior, agora faz parte de sua base de apoio. Não deve adiantar muita coisa, mas valeu. Sobre Makoul, confesso que me decepcionei. Não vi o debate completo da Record, quando ele esteve perdido e depois alegou uma crise forte de sinusite. A impressão que tive é que não conseguiu se recuperar totalmente da mesma. Lamentei, porque a maior parte dos meus amigos, além de minha esposa vão (ou iriam) votar nele, e seria a chance de levar a eleição para o segundo turno. Mas se depender de sua atuação deste debate, acho meio difícil.
O ponto alto do debate foi o aplauso irônico de Erik Shunck para a prefeita, a comparando com uma atriz global. E o ponto fraco, com todo respeito a seus eleitores, foi a despedida de Arnaldo, lendo um texto em suas considerações finais. Melancólico.

2 comentários:

Anônimo disse...

o pinóquio da lapa usa a mesma propaganda de joseph goebbels, pior que o campista tem fama de mentiroso

Anônimo disse...

Mudei meu voto ontem. Ia ser 12. Agora será 50 ou 44.