terça-feira, 9 de outubro de 2012

Candidato com 8 irmãos que moram fora perde eleição por 8 votos


A eleição municipal foi concorrida em Inaciolândia, a 296 km de Goiânia, região sul de Goiás. Apenas dois candidatos disputavam a preferência dos 4.819 eleitores do município. A diferença entre eles foi de oito votos. O vencedor, Zilmar Florêncio Alcântara (PTB) teve 2.018 votos, enquanto 2.010 escolheram Francisco Antônio Castilho, o Chiquinho (PSB). O que chamou a atenção da população, que ainda comenta o resultado nas ruas, é o fato de Chiquinho ter oito irmãos, com domicílio eleitoral em outras cidades. Se os irmãos votassem na cidade, haveria empate e o candidato do PSB venceria o pleito por ser o mais velho.
O próprio candidato derrotado confirma. “Realmente, eu não tinha pensado nisso. Os meus irmãos moram fora, a diferença foi de oito votos. Se eles votassem aqui, eu seria eleito porque eu sou mais velho do que o candidato de oposição”, declara.
Já o prefeito eleito da cidade, Zilmar Florêncio Alcântara, ainda comemora a vitória apertada. “Eu não dou conta nem de te explicar, eu fiquei parado. Eu paralisei. Eu não sei se eu queria chorar, se eu queria correr, se eu queria rir”, descreve.
O operário Waltermir Rosa Costa disse que o tema da conversa na roda de amigos ainda não mudou. “Nessas últimas 24 horas, de ontem para cá, é só política”. Para um eleitor da cidade, essa diferença tão pequena é impressionante. “É quase impossível acreditar que por oito votos um candidato possa ganhar do outro”, comenta.
Para Zilmar Florêncio, o algarismo que mudou a sua vida passará a ter um novo significado. “Com certeza, vai ser o número da sorte. O número oito. Número oito, a sorte de Inaciolândia”, teoriza.

Um comentário:

Anônimo disse...

ESTAMOS TORCENDO POR VC CHIQUINHO PESSOA SIMPLES E HONESTA