sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Bienal de SP mostra que tradição e tecnologia mantêm o prazer da leitura

Do:G1

Foi aberta nesta quinta-feira (9), em São Paulo, a Bienal Internacional do Livro.

Tradição e a tecnologia podem manter vivo o prazer da leitura.


Pelas ruas com quase 500 expositores, onde se esperam 800 mil visitantes, o livro se transforma em coisa virtual, mas também tem corpo e busca outras linguagens. Dom Casmurro, de Machado de Assis, virou história em quadrinhos, onde Bentinho chora e os olhos de Capitu são donos de tudo. No lugar das letras, é preciso lembrar dos que são eternos e comemorar os 100 anos de Jorge Amado, e os 120 de Graciliano Ramos.

Em um espaço especial para as crianças, criado pelo artista plástico Emanoel Araújo, estão brinquedos antigos do Nordeste, inspiração para novas histórias que as crianças inventam.

A Bienal do Livro vai até o dia 19 de agosto.




Nenhum comentário: