domingo, 3 de junho de 2012

Rapidinhas do domingão




Com notas dos jornalistas Ancelmo Gois, Lauro Jardim e Ricardo Boechat em seus espaços virtuais e colunas:


Caetano na rede

##Caetano Veloso lança dia 12 seu novo site (caetanoveloso.com.br), como parte das comemorações de seus 70 anos.
Até 7 de agosto, seu aniversário, serão disponibilizadas entrevistas em que o baiano fala dos principais fatos de sua vida. Além de videobiografia, o site terá fotos pessoais e todos os seus discos para ouvir e comprar.

Por Ancelmo Gois

O intrometido


A pelo menos um presidente de partido, Lula disse recentemente que procuraria os onze ministros do STF para falar do mensalão. Justificou a intromissão assim: fora da presidência poderia dizer com mais facilidade “certas coisas para certas pessoas”.
Por Lauro Jardim


Mensalão
Será?
##A versão é de um parlamentar petista que afirma ter estado com Lula na semana passada em Brasília. O ex-presidente atribui a políticos tucanos a versão de que pressionou o ministro Gilmar Mendes, do STF, no escritório de Nelson Jobim, para adiar o julgamento do mensalão. “Se esses caras me encherem muito, eu saio candidato em São Paulo e dou uma surra no Serra.” Ninguém acredita que chegue a tanto, mas a frase deixa clara a bronca de Lula com o PSDB.

Por Ricardo Boechat

Fogueira da CPI


## Sérgio Cabral, ele não é mais o único governador do PMDB que pode ser convocado na CPI do Cachoeira. O governador do Mato Grosso do Sul, André Puccinelli, e o governador do Mato Grosso, Silval Barbosa, também entraram na lista de políticos que poderão ser convocados a prestar esclarecimentos no Congresso.
O deputado Felipi Pereira pediu a convocação de Puccinelli e Barbosa nesta semana argumentando que a Delta também conquistou contratos milionários nos governos comandados pelos dois peemedebistas que precisam ser investigados.
Por Lauro Jardim

Corredor do Fórum

##A 13ª Câmara Cível do Rio negou indenização pedida por um homem vítima de fratura... peniana numa relação extraconjugal.
O saliente procurou o hospital, réu na ação, e pediu sigilo, pois é casado e ... pastor evangélico.
Mas a pulada de cerca veio à tona numa carta anônima enviada à sua igreja- segundo ele, por um funcionário da clínica.

Por Ancelmo Gois


Política
Tropa progressista
##Segundo o presidente do PP, senador Francisco Dornelles, a legenda terá três mil candidatos a prefeito na eleição de outubro. É mais que 
o dobro do total de 2008 (1.200). Para as Câmaras de Vereadores serão 35 mil postulantes, contra 23 mil do último pleito municipal.

Nenhum comentário: